Sobre a Refinaria de Manguinhos

Fundada em 1954, a Refinaria Manguinhos (Bovespa RPMG3), localizada na Zona Norte do Rio de Janeiro, é uma das poucas refinarias privadas do país e vive um momento singular em sua história com a realização de vultuosos investimentos na completa modernização de suas instalações e no aprimoramento das práticas de governança corporativa. A empresa retomou plenamente suas atividades em 2015, depois de revogada, pelo Supremo Tribunal Federal, a desapropriação de seu terreno. A desapropriação havia sido decretada em 2012 pelo então governador Sérgio Cabral e forçou a Refinaria a reduzir drasticamente suas atividades naquele período.

Em razão da tentativa de desapropriação a empresa foi obrigada a pedir proteção contra os credores e encontra-se hoje em processo de recuperação judicial, cujo plano já foi aprovado em assembleia de credores. Manguinhos apresentou bons resultados no ano passado, tendo fechado 2016 com volume médio mensal de produção de 45 milhões de litros de gasolina A. Este desempenho representa um crescimento de 40% em relação ao ano anterior – quando a produção atingiu 32 milhões de litros por mês. Atualmente, são gerados cerca de 300 empregos diretos na unidade e mais de 300 indiretos.

Usina de Campeões

Reativado em outubro de 2016 depois de ficar dois anos parados por conta da tentativa de desapropriação da Refinaria de Manguinhos, o projeto social Usina de Campeões, a antiga Usina de Cidadania, voltou com todo o fôlego. A iniciativa foi criada pelo ex-lutador de UFC Pedro Rizzo e pelo advogado Ricardo Magro, que incentiva a prática das artes marciais como forma de disciplina e educação para a garotada. Para participar, os alunos precisam comprovar que estão matriculados regularmente na rede escolar e com boas notas.

Saiba Mais

Público poderá trocar alimento não-perecível por ingresso da pesagem do UFC 212

Usina de Campeões, na Refinaria de Manguinhos, será ponto de troca

Leia Mais

Cotação RPMG3

rpmg3.sa - PET MANGUINHON
Última cotação: R$8.80
Atualizado em: 27/04/2017
Fonte: BM&FBOVESPA
Delay de 15 minutos.

 

Entre em contato
com a Refinaria de Manguinhos


FAÇA CONTATO